NOTÍCIAS

Últimas notícias


NOTÍCIA EM DETALHE

Amarela Portuguesa

Julen Amezqueta (Café Baque) venceu isolado em Oliveira do Hospital a segunda tirada da 23ª Volta a Portugal do Futuro Liberty Seguros, mas o português César Martingil (Liberty Seguros – Carglass) ascendeu ao primeiro lugar da competição dedicada aos corredores Sub 23 em igualdade de tempo com o segundo da geral, o russo Vadim Zhuravlev (Lokosphinkx). A dois escassos segundos está o terceiro homem da Volta do Futuro, Ruben Sanchez (Café Baque).

O vencedor desta jornada, Julen Amezqueta, integrou a fuga do dia e disparou sozinho para a meta a faltarem três quilómetros, conseguindo em Oliveira do Hospital a primeira vitória da carreira. A audácia valeu-lhe a Camisola Vermelha Banco BIC, símbolo da Classificação por Pontos. O Rei da Montanha, o ucraniano, Anatoliy Budyak, pontuou nas três contagens desta sexta feira e agarrou-se ainda mais à Camisola Azul Fundação do Desporto. O Camisola Amarela César Martingil (Liberty Seguros-Carglass) é também o líder da Juventude representada pela Camisola Branca RTP. O corredor de 20 anos, natural do distrito de Santarém, mostrava-se surpreendido com a liderança na Volta a Portugal do Futuro: “Não é todos os dias que chegamos à Camisola Amarela e hoje sinto que a sorte esteve comigo!” Dividido entre duas classificações ainda acrescentou: “Vou trabalhar para chegar a Oliveira de Azeméis de Amarelo, mas preferia ficar com a Camisola Branca e que a vitória na competição fosse para outro colega de equipa.”

Mais fotografias

Vídeo Etapa 2

SEMPRE A SUBIR
Os 135 quilómetros da segunda etapa foram recheados de dificuldades. Nas três contagens de montanha houve duas de segunda categoria em Alvares e Santa Ovaia, a última a apenas sete quilómetros da chegada. Foi mais um dia de muitas movimentações nas Terras de Sicó para o jovem pelotão das esperanças do ciclismo nacional, a que se juntaram seis equipas estrangeiras totalizando 12 formações. Até domingo discutem a mais importante prova da época exclusivamente dedicada ao escalão Sub 23. De Alvaiázere, município que deu origem a esta etapa, saíram 74 corredores.

3ª Etapa // 18 julho 2015
Viseu – São Pedro do Sul // 116,5 Km

Com o fim-de-semana chega a etapa mais curta da 23ª Volta Portugal do Futuro Liberty Seguros e a mais complicada. A partida acontece às 12h40 no Fontelo, em Viseu, em direção à Serra de São Macário em São Pedro do Sul. As Metas Volantes estão instaladas em Tondela, Campo de Besteiros e São Pedro do Sul. Haverá um prémio de Montanha de 3ª categoria, em Campo de Besteiros, mas as verdadeiras dificuldades estarão reservadas para a meta na Serra de São Macário, uma contagem de 1ª categoria que há muito não é utilizada no ciclismo.


8ª VOLTA A PORTUGAL DE CADETES
A meta da Volta a Portugal do Futuro, em Oliveira do Hospital recebeu também a chegada da primeira etapa da Volta a Portugal de Cadetes. João Costa (CC Barcelos/AFF) foi o vencedor da tirada de 67 Km que começou na Lousã. Atrás do poveiro, primo de Rui Costa, chegou Ricardo Dias (Talho do Povo/Ramalde) com o mesmo tempo e a 3 segundos ficou o espanhol Daniel Sebastian (Gandia-Renault Ginestar). A segunda etapa da Volta dedicada aos corredores com 15 e 16 anos corre-se este sábado. São 58,5 Km entre Viseu (13h10) a S. Pedro do Sul (15h00).

#eugostodaVolta

Sigam-nos no Facebook

Sigam-nos no Twitter

Sigam-nos no Instagram



17-07-2015



Partilhar
Anterior | Seguinte